Pirráias da Periferia estará na Bienal Internacional do Livro e terá apoio do EduQuadrinhos

A Bienal acontece de 1 a 12 de outubro, no Centro de Convenções, em Olinda

Voltado para o ensino gratuito de práticas esportivas, aliado ao incentivo e acompanhamento do desempenho escolar de 180 crianças e adolescentes de 8 a 18 anos das comunidades do Coque, Várzea e Morro da Conceição, o projeto de extensão da UFPE “Pirráias da Periferia’’ estará presente na XIII Bienal Internacional do Livro de Pernambuco.

Com professores da UFPE, profissionais de Educação Física, líderes comunitários e voluntários, o projeto Pirráias da Periferia iniciará ainda em outubro deste ano mais turmas no bairro de Nova Descoberta.

Todos as crianças do “Pirráias da Periferia” irão visitar gratuitamente a XIII Bienal Internacional do Livro de Pernambuco, acompanhadas pela equipe do projeto.

Na stand do “Pirráias da Periferia”, além de fotos e informações do projeto, estará disponível para venda a HQ ‘’Pirráias da Periferia”, de autoria do professor Zé Luís Simões (coordenador geral), roteiro do professor Fábio Paiva (coordenador pedagógico) e ilustração de Rhebe Morais , que conta a história do projeto desde a sua concepção, em 2008. Além disso, também será lançada a obra literária ‘’Ser Feliz: A saga de um brasileiro que viveu na periferia’’, escrita pelo professor Zé Luís.

Capa do gibi que conta a história de criação do projeto

Com o intuito de arrecadar recursos para compra de chuteiras e tênis para as crianças do projeto, e demais itens estruturais para a realização das atividades, outros livros estarão disponíveis para venda no stand: “Elites e Vadios na Imprensa’’, de autoria do professor Zé Luís, ‘’Identidade’’, de autoria do professor Fábio Paiva, “Pesquisas em Teoria e História da Educação”, organizado pelos professores Zé Luís e Hercilia Melo, e ‘’Leleco, a lagartixa que perdeu a calda’’ de autoria de Abigail Souza.

Assim como acreditava Paulo Freire, o “Pirráias da Periferia” dialoga diretamente com a realidade das comunidades onde atua e valoriza suas singularidades culturais. O projeto, além do fomento ao esporte, acompanha os jovens e os direciona ao mundo do conhecimento.

O Professor Zé Luís assim resume as ações do projeto: “Nosso papel é dar oportunidades para crianças e adolescentes das periferias da cidade do Recife, tanto na prática de esportes como na articulação dessas práticas vinculadas ao acompanhamento escolar e estímulo aos estudos. Essa é a essência do projeto Pirráias da Periferia. Nossa meta é atender aproximadamente 500 jovens até o final de 2021.”

“Conheci o projeto através de um amigo, lá eu conheci o professor Zé Luiz, que elaborou esse projeto com o intuito de trazer esperança para a garotada da periferia. Conheço alguns amigos que, através do projeto, começaram a acreditar mais nos seus sonhos, a lutar por eles e transformá-los em realidade. Meu conselho pra quem participa é: aproveitem essa oportunidade, dialoguem com o Zé Luís e acreditem nos seus sonhos!”, comentou Jamerson Cardoso, ex-aluno do projeto e personagem principal da história em quadrinhos “Pirráias da Periferia’’.

Informações e fotos do projeto no Instagram: @pirraiasdaperiferia

Serviço: Stand do projeto ‘’Projeto Pirráias da Periferia’’ na Bienal do Livro de Pernambuco.
De 1 a 12 de outubro, no Pavilhão de Feiras do Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda.
Horário: 9h às 21h durante os 12 dias de evento.
Ingressos para Bienal: R$ 10,00 Inteira, R$ 5,00 Meia-entrada e Social: R$7,00 + 1kg de alimento.

Assessoria de Comunicação:
Fernando Parker: 99930-8305

Quadrinhos e Educação em nova coluna no Portal da Social Comics

Já está disponível no Portal a nova coluna sobre “Quadrinhos & Educação”, do professor Fábio Paiva, criador do EduQuadrinhos.

Quinzenalmente serão apresentadas reflexões e discussões, além de receber convidados para escrever sobre o tema.

A primeira coluna traz 5 dicas sobre como iniciar o uso de quadrinhos na educação. De maneira leve é possível aprender sobre os primeiros passos para aproximar os gibis das práticas educativas.

Você pode conferir o texto clicando aqui!

Cover de Aprendendo a educar com as Histórias em Quadrinhos!
Quadrinhos & Educação, quinzenalmente às terças-feiras no Portal da Social Comics

Curso: Histórias em Quadrinhos na Educação

INSCRIÇÕES: https://www.sympla.com.br/curso-hqs-na-educacao__1036031

O curso Histórias em Quadrinhos na Educação, será realizado pelo projeto EduQuadrinhos, abordará no próximo dia 21 de novembro, das 9h às 12h, assuntos como a Histórias das HQs, sua aproximação com a Educação, seus diferentes formatos e aplicações educacionais.

O curso é destinado a professores e professoras, estudantes, pais e mães, que desejam conhecer mais sobre as Histórias em Quadrinhos e seu uso na Educação.

Os inscritos terão a oportunidade de aprender e tirar dúvidas ao vivo com o Professor Doutor, Fábio Paiva (autor dos livros HQs na Educação e Educação e Violência nas HQs de Batman).

O curso terá duração de 3 horas, com atividades e indicação de leitura extra, totalizando 8h. Todos os participantes receberão certificado de participação, emitido pelo EduQuadrinhos (enviado pelo e-mail).

Informações: contato.eduquadrinhhos@gmail.com
Instagram/Facebook/Twitter: @eduquadrinhos

Rádio, Quadrinhos e Democracia: Frequência Gibi está no ar!

Os amantes da nona arte podem acompanhar um novo formato de programa voltado para o mundo dos quadrinhos: Frequência Gibi, apresentado por Eron Villar (autor e roteirista de quadrinhos) e Fábio Paiva (quadrinista e professor) traz, além de temas atuais, entrevistas com convidadas e convidados atuantes no cenário local, nacional e internacional. Sempre às sextas, 20h30, com reprise aos domingos, no mesmo horário, o programa, que tem sua programação voltada à América Latina, poderá ser acessado em qualquer lugar do mundo através do site www.radiocraciaja.com.

Entre os convidados já confirmados estão Dandara Palankof (revista Plaf), Sâmela Hidalgo (Devir), Thony Silas, Carol Pimentel (Panini), Paulo Ramos, Rodrigo Scama e Liber Paz (Kitnet HQ), André Balaio e Beto Beltrão (Recife Assombrado), Iolanda Oliveira e Orlando Oliveira (Banca Guararapes), Gian Danton e muito mais.

Radiocracia Já

Nascida da pulsante vontade da classe artística de se expressar de maneira útil e plural, a rádio comunitária Radiocracia Já foi imaginada durante a pandemia e lançada por por um coletivo de mais de 50 artistas e comunicadoras(es). Com programação diversa e democrática, o objetivo do projeto é produzir uma rádio comunitária livre, ao vivo e sem custo que discuta realidade e arte. Com temas que passeiam pela ficção com dramaturgia, literatura, novos autores e oralidades; música experimental, com artistas de toda latina-américa e realidade, com jornalismo livre, crítica, análise independente e saúde.

A programação completa da Radiocracia Já pode ser acompanhada através das redes sociais: Instagram: @radiocracia_ja, Facebook: radiocraciajja, Twitter: @radiocraciaja, Youtube: Radiocracia Já. Para ouvir a rádio basta acessar www.radiocraciaja.com

Livros do Educação e Quadrinhos nas Universidades

IMG_0448
Uma parceria do EduQuadrinhos com um investidor filantropo, viabilizou o envio de exemplares do Livro “Histórias em Quadrinhos na Educação” para várias Universidades do país. Todas as regiões do Brasil serão atendidas e várias Universidades públicas e privadas receberão os livros.

O EduQuadrinhos também enviará alguns exemplares do livro “Educação e Violência nas HQs de Batman”, totalizando mais de 300 livros doados.

O parceiro investidor preferiu ficar anônimo, mas é um grande incentivador da presença dos Quadrinhos na Educação e um grande amigo do EduQuadrinhos. O projeto que pretende ampliar o uso das HQs na Educação será sempre grato.

As Universidades que já receberam os livros:

Atualizado:
Universidade Federal de Pernambuco – UFPE (CE, CAC, CAV e CAA);
Universidade Federal Rural de Pernambuco – UFRPE (Educação Recife);
Universidade Federal Rural de Pernambuco – UFRPE (Educação Mata Norte);
Universidade Católica de Pernambuco – UNICAP;
Centro Universitário Maurício de Nassau – Uninassau (Recife);
Centro Universitário Guararapes – UniFG;
Universidade de São Paulo – USP (Educação);
Universidade Regional do Cariri – URCA;
Universidade Federal do Cariri – UFCA;
Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN;

A lista será atualizada conforme os livros forem chegando nas Universidades.